14 e 15/9 SÃO PAULO

Para Stefan Fölster, privatizar requer cuidado com a competição de mercado

Num momento em que o governo brasileiro prepara um ambicioso programa de privatizações, o economista sueco Stefan Fölster destaca a importância de se buscar o aumento da competição quando se vendem empresas estatais. Diretor-executivo do centro de estudos Reform Institute, de Estocolmo, Fölster sugere ao Brasil a criação de um fundo de riqueza nacional (FRN), … Continua

Seminário reflete a vitalidade democrática e a necessidade de construir respostas aos desafios contemporâneos, diz José Aníbal

O presidente do Instituto Teotônio Vilela, José Aníbal, avaliou que os debates do seminário Desafios Políticos de um Mundo em Intensa Transformação deixaram clara a vitalidade da democracia, a importância das reflexões e a necessidade constante de busca por respostas. Em sua participação na mesa de encerramento do evento, promovido pelo Instituto Teotônio Vilela e … Continua

Cristovam Buarque destaca a importância de se buscar coesão política na construção de um projeto de país

O presidente do Conselho Curador da Fundação Astrojildo Pereira (FAP), senador Cristovam Buarque, encerrou sua participação no seminário Desafios Políticos de um Mundo em Intensa Transformação afirmando é necessário ter coesão para dar um rumo ao país. “Os políticos precisam dar bons exemplos, com o fim dos privilégios. Precisamos consolidar os partidos, acabar com a … Continua

Mudanças na Itália pós-Mãos Limpas foram mais rápidas, mas a corrupção permaneceu, conta Gianni Barbacetto

O jornalista Gianni Barbacetto, coautor do livro Operação Mãos Limpas, abriu a terceira mesa de debates do seminário Desafios Políticos de um Mundo em Intensa Transformação, com o tema Mãos Limpas e Lava Jato, Relações de Força e Limites. Ele traçou um panorama das condições geopolíticas, econômicas, judiciais e culturais que favoreceram a operação de … Continua

Corrupção é grave porque distorce o funcionamento e a distribuição de recursos de uma economia, aponta Marcelo Muscogliati

A corrupção é gravíssima, pois gera uma distorção no encaminhamento dos recursos dentro de uma economia nacional. A afirmação é do subprocurador-geral da República, Marcelo Muscogliati, que fez uma análise do cenário de operações de combate à corrupção desde a Mãos Limpas, que eclodiu em 1992 na Itália, até a operação Lava Jato, que desde … Continua